domingo, 6 de fevereiro de 2011

Sal e Luz


(Mt 5,13-16)
Jesus utiliza dois símbolos – sal e luz – para falar do nosso compromisso com o Reino. O sal lembra muitas coisas. O povo da Bíblia não o via como simples tempero, como fazemos nós. Dava-lhe grande valor enquanto elemento que purifica e dá sabor. Nesse sentido, era sinônimo de força transformadora. Ser “sal da terra” e “luz do mundo” é uma grande responsabilidade! Jesus confia que a nossa comunidade, ainda que pequena, pode ser um sinal da sua presença, um sinal luminoso da salvação que ele veio trazer. A comunidade cristã é chamada a ser o sabor e a cor do mundo. Como nós estamos sendo sal e luz? As boas obras produzem luz e são vistas por causa da luz. Somos luz para o mundo com nossas boas obras e testemunho?

Frei Germano Guesser, OFM – Gaspar / SC – Folhinha do Sagrado Coração de Jesus
[imagem da web]

Nenhum comentário:

Postar um comentário