.

.
Imagem da reflejosdeluz.net

terça-feira, 30 de junho de 2009

Sou luz


"A luz divina envolve-me,
e rompe as trevas exteriores
que teimavam sitiar-me na amargura.
Deixo-me clarear,
e todas as dificuldades se desfazem,
ensejando-me ver melhor o programa da existência.
O pessimismo desaparece

e a irritação se acaba.
Estou destinado ao êxito,

que buscarei com a mente enriquecida de entusiasmo.
Banho-me de luz externa
e sou luz interior."

[imagem da web]

Quando o sofrimento bater à sua Porta


“A vida que não é examinada não vale a pena ser vivida”
(Sócrates)

“A felicidade da vida depende da qualidade de nossos pensamentos”
(Imperador Marco Aurélio)

Um dos grandes problemas que o sofrimento acarreta é justamente a nossa falta de capacidade de lidar com ele. O primeiro desafio que temos diante de uma dor que acabou de chegar é continuarmos no comando da vida...
Diante dos problemas da vida e dos sofrimentos originados deles, temos duas possibilidades: ou os administramos ou seremos administrados por eles...
No mundo dos negócios, os bons administradores são geralmente pessoas reflexivas. Uma boa administração só pode ser realizada à medida que a realidade administrada passa constantemente por processos de análises. É por meio da análise de uma situação que poderemos encontrar o melhor caminho a seguir...
Por vezes os medos são capazes de nos roubar a reflexão. Analisar é purificar. É retirar os excessos.
Muitos de nossos sofrimentos nascem de nossas confusões mentais. A análise tem o poder de reordenar as idéias. É como se acendêssemos luzes em um quarto escuro. Ninguém consegue se localizar em um ambiente sem luz. Por isso as saídas de emergências dos aviões são sempre sinalizadas com caminhos de luz. A saída de emergência é o destino final da luz. A calma é essencial para que sejamos capazes de encontrar o caminho.
Muitos sofrimentos nascem das nossas confusões mentais, por isso é tão importante desenvolvermos o hábito de refletir sobre a vida e sobre os problemas que enfrentamos.
No momento da nossa fragilidade, a reação mais comum é o desespero. Mas o desespero não nos ajuda em nada. Pessoas desesperadas são pessoas em profundo estado de confusão mental.
O desespero é uma resposta espontânea do ser humano quando diante de um limite. Mas ele não precisa ser definitivo. Pode ser apenas um primeiro momento do sofrimento. Estender no tempo o estágio do desespero é adiar a solução dos problemas. Pessoas desesperadas não costumam lidar bem com os problemas que enfrentam. A razão é simples. O desespero é o oposto da análise.
A análise requer calma, paciência e lucidez. Tais atitudes geralmente não são encontradas em pessoas tomadas pelo desespero.
Administrar os sofrimentos no momento do desespero é tarefa árdua. É nesta hora que precisamos de alguém que nos ajude a contornar a força do pensamento opressivo. Desesperos nascem e são nutridos a partir de fatos e idéias que nos oprimem. Fatos não podem ser modificados, mas as conseqüências deles em nós sim.
Quando estamos desesperados, necessitamos fazer a triagem das causas; se não temos mais como alterar o fato, teremos então que investir nas consequências. É neste momento que devemos fazer a pergunta fundamental a partir de várias perspectivas:
· Por que estou desesperado?
· Qual é a raiz que me faz sofrer?
· É possível alterar a realidade que me envolve?
· Por que estou sofrendo?
A formulação das perguntas favorecerá o processo de análise. Perguntar o porquê de sofrer é tão importante quanto sorver o ar para se manter vivo. É a partir desta pergunta que descobriremos se temos ou não razões para o sofrimento. Digo isso porque não é raro encontrar pessoas em profundo estado de sofrimento sem razão. Sofrimento sem razão é sofrimento infértil; que poderiam ser evitados, caso a pessoa dispusesse a fazer uso de sua reflexão.
Assim, racionalizado o medo, naturalmente ele perde o poder sobre mim. Mais uma vez a regra da substituição, uma idéia ruim por uma boa. Quantos desesperos seriam evitados se usássemos esta regra. Quanta idéia opressora deixaria de ser determinante sobre nós caso aplicássemos este princípio de sabedoria.
Nesta perspectiva, a filosofia exerce o mesmo poder que a medicina. A reflexão reconfigura a experiência e proporciona a cura da mente pelo pensamento.
Um sofrimento só valerá a pena se ele for verdadeiro. Sofrer por mentiras é um absurdo; já chega o que temos que enfrentar na vida.
Quando identificamos um sofrimento verdadeiro, precisamos nos render a ele. Não se trata de assumir passivamente, sorvendo-o em estado de vítima. Render-se ao sofrimento é reverenciar sua sacralidade, reconhecendo nele todo o crescimento que se desprenderá dele. É como adentrar em um território sagrado, sabendo que pisar aquele lugar é oportunidade única que merece ser vivida e experimentada com seriedade.
O sofrimento é verdadeiro quando ele é costurado na crueza da vida, isto é, não é fruto de projeções imaginárias nem tampouco resultado de medos infundados. Reconhecer o sofrimento verdadeiro, aquele capaz de nos fazer crescer, é reconhecer diamantes em meio aos cascalhos. Requer arte de garimpo.
O tempo todo fazemos a experiência dos limites que nos fazem sofrer, mas nem sempre conseguimos distinguir o sofrimento cascalho, do sofrimento diamante. Cascalhos nem sempre nos amadurecem, mas os diamantes sim. Identificar o sofrimento diamante requer sabedoria e calma. O grande problema é quando invertemos valores.
Assim como a pedra preciosa necessita de lapidação também o sofrimento carece ser trabalhado; a este trabalho podemos chamar de sentido. Sentido é o alicerce de uma realidade. As ações humanas estão sempre cheias de sentido. O sentido é a coerência da realidade. Tudo o que realizamos, por menor que seja, sempre está amparado por um sentido oculto. Descobrir o sentido das coisas é um jeito interessante de investigar a vida, deixar a superfície e atingir o lugar menos comum, mais profundo.
No contraponto do sentido está o absurdo. Realidades absurdas são aquelas que, aos nossos olhos, parecem incoerentes.
A vida humana é cheia de absurdos, mas também de sentidos. Absurdos e sentidos andam lado a lado porque são realidades complementares. O absurdo é o impulso que nos faz querer o sentido.
Sempre que estamos diante de um fato que não tem sentido, isto é um absurdo, somos desafiados a descobrir o caminho para a construção do sentido. É a partir desta reconstrução que nos recuperamos. Só assim podemos sarar as conseqüências que o sofrimento provoca em nós. A construção do sentido favorece a continuidade da vida.
É muito significativo aproximar o sofrimento humano de significado eucarístico. A teologia nos ensina que o altar é o lugar privilegiado do encontro de Deus com a humanidade. No altar tudo que é humano se diviniza.
Divinizar é recolher e reconhecer a sacralidade. É retirar o profano, isto é, retirar o que está fora do templo e colocar sobre o local sagrado.
Cada vez que somos capazes de colocar o nosso sofrimento diante da mística do altar, de alguma forma estamos aprendendo a superá-lo da melhor forma.
Sacralizar o sofrimento é reconhecê-lo como oportunidade de transformação. O que sofremos passa a nos transformar, pois nos coloca no altar da vida, para que Deus nos recolha como oferenda agradável aos seus olhos...
Dessa forma, o sofrimento nunca será em vão, porque sempre haverá nele uma ocasião de transformação. É só descobrir.
É claro que se pudéssemos escolher , escolheríamos não sofrer. Mas não há como mudar essa regra – o sofrimento humano é natural é inevitável... O importante é não nos rendermos ao seu possível espírito destruidor. Para isso, é preciso manter viva a chama da esperança. Sofrer sim, mas sofrer apenas por causas que mereçam o nosso sofrimento. Sofrer, mas buscar o sentido oculto que está por detrás das profusas ramagens dos absurdos.
Sofrer, mas nunca esquecer que depois da tempestade há sempre o sol preparado pronto para brilhar e nos dourar com sua luz envolvente.
Porque tão importante quanto não fechar a porta para os sofrimentos é não impedir, depois , a entrada das alegrias...

“E é nisto que se resume o sofrimento:
Cai a flor e deixa o perfume no vento”
Cecília Meireles

MELO, de Fabio.QUANDO O SOFRIMENTO BATER À SUA PORTA.- 24.ed. São Paulo, SP: Editora canção Nova,2008 .201 a 237 p.

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Terra que Mana Leite e Mel


... a expressão “terra que mana leite e mel” quer dizer um local abundante, rico em bênçãos, farto, tanto em alimento quanto em alegrias. Leite é figura de alimento vital, saudável, que dá o crescimento. Mel é figura de coisas gostosas, doces ao paladar.

Aplicando essa figura em nossas vidas hoje podemos ter, por exemplo: um lar que “mana leite e mel” significando um lar abençoado, onde nada falta, seja o alimento, a saúde, o bem estar, a paz, a alegria em estar com os pais, irmãos, cônjuges.

Mas a principal mensagem que podemos tirar é que temos a bendita promessa de vida eterna no reino de Deus, um reino abundante em todas as coisas, seja em paz, gozo, alegria, mas principalmente, na presença de Deus no meio de nós: “Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim, será salvo; entrará, e sairá, e achará pastagem. O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (Jo 10:9,10).

Que o seu lar seja uma terra onde mana leite e mel. “Se o SENHOR se agradar de nós, então, nos fará entrar nessa terra e no-la dará, terra que mana leite e mel” (Nm 14:8).

Autor: José Adelson de Noronha
Fonte:
www.verboeterno.wordpress.com

[imagem da web]

Entusiasmo


Trecho um artigo de Carlos Hilsdorf, publicado no livro “Gigantes da motivação” (Landscape/VendaMais)

A verdadeira motivação nasce quando você encontra seu papel diante da vida. Jamais a confunda com injeção de ânimo, já que isso equivale a dar uma força, um “empurrãozinho” e dizer a você que algo é possível. É o que faz geralmente a autoajuda. Entenda injeção de ânimo como qualquer situação provocada pela vida, seja a palavra de um amigo, uma experiência ou um livro que possa ser resumido na frase: “Vá em frente, você é capaz e seus sonhos podem ser realizados!” – isso é tudo que a injeção de ânimo fará por você. Ela é breve como um piscar de olhos e não tem poder, é passageira e está longe de ser a verdadeira motivação.

De modo algum confunda motivação com entusiasmo, pois também são sentimentos diferentes. Entusiasmo é uma palavra de origem grega que significa Deus dentro de si e, em português, as pessoas a usam como sinônimo de empolgação e euforia, o que é um erro gravíssimo. Empolgação e euforia são fenômenos passageiros e muito pequenos quando comparados ao entusiasmo. Nada de grande na vida é realizado com base na euforia, porém grandes erros são cometidos devido a ela.

O entusiasmo significa o estado especial de espírito em que você manifesta a presença divina em si próprio. Ele é a luz do Criador refletida no espelho de sua alma e que ilumina tudo ao seu redor. É o principal pré-requisito para a verdadeira motivação, é a manifestação íntima de nossa capacidade de nos maravilharmos diante da vida. No entanto, não adianta estarmos apenas encantados com a vida, precisamos agir para colaborar efetivamente com a melhoria contínua do mundo em que vivemos. Aí está a verdadeira motivação.

Assim, entenda motivação como o conjunto de razões que o levam a agir, as causas pelas quais você se mobiliza. Observe que o sentido de sua vida passa por dois caminhos: sua evolução espiritual (independentemente da opção religiosa) e a contribuição efetiva que dará à sua vida, o legado que deixará com sua passagem pelo mundo. Busque exteriorizar suas qualidades, ser uma pessoa de valor é mais importante que ser um indivíduo de sucesso, pois o verdadeiro sucesso é a consequência de uma vida de valor.

[imagem da web]

sábado, 27 de junho de 2009

Oração a Nossa Senhora do Desterro [1]


De Belém ao Egito, com o Menino recém-nascido escondido e apertado ao peito,
por terras desérticas e desconhecidas,
triste e silenciosa, seguindo os passos firmes de José...
Eis a Mãe do Filho de Deus a caminho do desterro.
Nossa Senhora do Desterro, olhai para nós, vossos filhos,
apreensivos e inseguros, neste vale de lágrimas, a caminho da Pátria definitiva.
Depois deste desterro, ó Mãe carinhosa, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre,
ó clemente, ó piedosa, ó doce sempre Virgem Maria.
Nossa Senhora do Desterro, acompanhai-nos na travessia do deserto da vida,
até alcançarmos o Oásis eterno, o céu.
Amém.
[imagem da web]

Eclesiástico 28, 1-9


Aquele que quer vingar sofrerá a vingança do Senhor, que guardará cuidadosamente os seus pecados. Perdoa ao teu próximo o mal que te fez, e teus pecados serão perdoados quando o pedires. Um homem guarda rancor contra outro homem, e pede a Deus a sua cura! Não tem misericórdia para com o seu semelhante, e roga o perdão dos seus pecados! Ele, que é apenas carne, guarda rancor, e pede a Deus que lhe seja propício!
Quem, então, lhe conseguirá o perdão de seus pecados? Lembra-te do teu fim, e põe termo às tuas inimizades, pois a decadência e a morte são uma ameaça (para aqueles que transgridem) os mandamentos.
Lembra-te do temor a Deus, e não fiques irado contra o próximo. Lembra-te da aliança com o Altíssimo, e passa por cima do erro que o teu próximo cometeu inadvertidamente.

[imagem da web]

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Anote sempre


Amigo...
A pretexto de subir ao Céu,
não abandone a Terra.
Por desejar você o melhor,
não negue socorro ao companheiro
que ainda se encontra em pior posição.
Buscando a luz,
não amaldiçoe a sombra.
Consolidando o progresso do espírito,
não desampare o seu corpo.
A estrada que Jesus trilhou
para a glória da ressurreição,
começava na poeira de Jerusalém.
E o lírio que floresce no lodo
é uma estrela de Deus que,
brilhando no charco,
jamais se contamina...

Francisco Cândido Xavier
[imagem da web]

Não Há Barreiras


Álvaro Tito

Sei que os problemas vão surgir,
Sei que provações virão,
Ponha tua fé no intercessor que é Jesus
Que sempre te estende a forte mão,
Sei que as muralhas do temor
Hão de intimidar teu ser.
Ponha tua fé no intercessor que é Jesus
E as barreiras tu irás romper.

Pois não há barreiras
Para aquele revestido do poder,
Que vem de Deus destruindo todo mal e dor
As mais altas barreiras tu irás transpor.

Sei que não há nada nem ninguém,
Que consiga separar,
O cristão de Deus e de uma vida mais além
No céu os temores vão cessar,
É intransponível esse amor
Que Jesus tem pelos seus,
Dando livramento em plena luta, em plena dor,
Jesus é o nosso Grande intercessor.

[imagem da web]

terça-feira, 23 de junho de 2009

Súplicas ardentes aos Santos Anjos

Deus Uno e Trino, Onipotente e Eterno!
Antes de recorrermos aos Vossos servos, os Santos Anjos, prostramo-nos na Vossa presença e Vos adoramos: Pai, Filho e Espírito Santo.
-Bendito e louvado sejais por toda a eternidade!
Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal, que tudo quanto por Vós foi criado Vos adore, Vos ame e permaneça no Vosso serviço!
E Vós, Maria, Rainha de todos os Anjos, aceitai benignamente as súplicas que dirigimos aos Vossos servos, apresentai-as ao Altíssimo – Vós que sois medianeira de todas as graças e a onipotência suplicante – a fim de obtermos graças, salvação e auxílio. Amém.

Sacratíssimo Coração de Jesus, guardai e defendei a minha alma e as da minha família!
Sacratíssimo Coração de Jesus, guardai e defendei a minha alma e as da minha família!
Sacratíssimo Coração de Jesus, guardai e defendei a minha alma e as da minha família!

Poderosos Santos Anjos, que por Deus nos fostes concedidos para nossa proteção e auxílio, em Nome da Santíssima Trindade nós vos suplicamos:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em Nome do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos pelo poderosíssimo Nome de Jesus;
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos por todas as Chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos por todos os martírios de Nosso Senhor Jesus Cristo:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos pela Palavra Santa de Deus:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos pelo Coração de Nosso Senhor Jesus Cristo:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em nome do amor que Deus tem por nós, pobres:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em nome da fidelidade de Deus por nós, pobres:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em nome da misericórdia de Deus por nós, pobres:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em nome de Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em nome de Maria Rainha do Céu e da Terra:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos em nome de Maria, vossa Rainha e Senhora:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos pela vossa própria bem-aventurança:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos pela vossa própria fidelidade
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos pela vossa luta na defesa do Reino de Deus:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nós vos suplicamos:
-Protegei-nos com o vosso escudo!
Nós vos suplicamos
-Iluminai-nos com a vossa luz!
Nós vos suplicamos:
-Salvai-nos sob o manto protetor de Maria!
Nós vos suplicamos:
-Guardai-nos no coração de Maria!
Nós vos suplicamos:
-Confiai-nos às mãos de Maria!
Nós vos suplicamos:
-Mostrai-nos o caminho que conduz à porta da vida: o oração aberto de Nosso Senhor!
Nós vos suplicamos:
-Guiai-nos com segurança à casa do Pai Celestial:
Todos vós, nove coros dos espíritos bem-aventurados:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Anjos da vida:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Anjos do Verbo de Deus:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Anjos do amor:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Nossos companheiros especiais e enviados por Deus:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Insistentemente vos suplicamos:
-Vinde depressa, socorrei-nos!
Porque o Sangue Preciosíssimo de Nosso Senhor e Rei clama que venhais em auxilio a nós, pobres:
-Insistentemente suplicamos: vinde depressa, socorrei-nos!
Porque o Coração de Nosso Senhor e Rei clama que venhais em auxilio a nós, pobres:
-Insistentemente suplicamos: vinde depressa, socorrei-nos!
Porque o Coração Imaculado de Maria, Virgem Puríssima e Vossa Rainha, clama que venhais em auxilio a nós, pobres;
-insistentemente suplicamos: vinde depressa, socorrei-nos!

São Miguel Arcanjo:
Vós, príncipe dos exércitos celestes, vencedor do dragão infernal, recebestes de Deus força e poder para aniquilar, pela humanidade, a soberba do príncipe das trevas.
Insistentemente vos suplicamos que nos alcanceis de Deus a verdadeira humildade de coração, uma fidelidade inabalável no cumprimento contínuo da vontade de Deus e uma grande fortaleza no sofrimento e na penúria. Ao comparecermos perante o tribunal de Deus socorrei-nos para que não desfaleçamos!

São Gabriel Arcanjo:
Vós, anjo da encarnação, mensageiro fiel de Deus, abri os nossos ouvidos para que possam captar até as mais suaves sugestões e apelos de graça emanados do Coração amabilíssimo de Nosso Senhor. Nós vos pedimos que fiqueis sempre junto de nós para que, compreendendo bem a Palavra de Deus e Suas inspirações, saibamos obedecer-lhe, cumprindo docilmente aquilo que Deus quer de nós. Fazei que estejamos sempre disponíveis e vigilantes. Que o Senhor, quando vier, não nos encontre dormindo!

São Rafael Arcanjo:
Vós que sois lança e bálsamo do amor divino, feri o nosso coração e depositai nele um amor ardente a Deus. Que a ferida não se apague nele para que nos faça perseverar todos os dias no caminho da caridade e do amor. Que tudo vençamos pelo amor!

Anjos poderosos:
E nossos irmãos santos que servis diante do Trono de Deus, vinde em nosso auxílio!
Defendei-nos de nós próprios, da nossa covardia e tibieza, do nosso egoísmo e ambição, da nossa inveja e falta de confiança, da nossa avidez na busca da abundância, do bem-estar e da estima pública!
Desatai em nós as algemas do pecado e do apego às coisas terrenas. Tirai dos nossos olhos as vendas que nós mesmos lhes pusemos e que nos impedem de ver as necessidades do nosso próximo e a miséria do nosso ambiente porque nos fechamos numa mórbida complacência de nós mesmos!
Cravai no nosso coração o aguilhão da santa ansiedade por Deus para que não cessemos de procurá-lO com ardor, contrição e amor!
Contemplai em nós o Sangue do Senhor, derramado por nossa causa!
Contemplai em nós as lágrimas de Vossa Rainha, choradas por nossa causa!
Contemplai em nós a pobre, desbotada e arruinada imagem de Deus, comparando-a com a imagem íntegra que Deus, no princípio, por amor, imprimiu na nossa alma!
Auxiliai-nos na luta contra o poder das trevas que, disfarçadamente, nos envolve e aflige!
Auxiliai-nos para que nenhum de nós se perca, permitindo assim que um dia nos reunamos todos, jubilosamente, na eterna bem-aventurança! Amém.

São Miguel, assisti-nos com vossos santos anjos:
-Ajudai-nos e rogai por nós!
São Rafael, assisti-os com vossos santos anjos
-Ajudai-nos e rogai por nós!
São Gabriel, assisti-nos com vossos santos anjos:
-Ajudai-nos e rogai por nós.
Amém.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Que estejamos sempre juntos


SENHOR JESUS!
Senhor de nossas vidas, socorre-me,
em minhas fraquezas imensas.
Ajuda-me a não enterrar os tesouros da Fé
na cova escura da indiferença
aos teus excelsos ensinos.
Ampara-me,
a fim de que eu possa crer em mim mesmo,
distribuindo, em teu nome, as riquezas sublimes
da crença, doando os valores do coração
nas mãos e nas palavras.
Fortalece-me, no combate aos monstros
do orgulho e do egoísmo que ainda imperam fortemente no meu mundo interior.
Abençoa a minha pobre vontade,
para que eu possa Servir-te.
Que eu não fuja a meus deveres,
por mais ásperos sejam.
Inspira-me no caminho do serviço da busca
do bem aos outros. E, que eu possa fazê-lo.
Que eu não esqueça jamais os materiais
divinos na construção
de minha felicidade verdadeira:
Da Fé e do Amor, do Perdão e da Humildade,
e da Caridade Bondosa que ajuda e reanima os Corações dos Infelizes.
Meu Pai querido!
Há tantos irmãos que ainda não têm
uma migalha de Tua Luz
de teu Evangelho, de seus ensinamentos.
Comparado a eles, já tenho tantas,
que seria a maior sovinice do coração
não trabalhar contigo,
amando, socorrendo, instruindo e servindo;
atendendo a tantos e dando-lhes sempre uma palavra de conforto ou de ânimo.
Distribuindo em teu nome as migalhas
de amor que já possuo.
Que eu compreenda, Senhor,
que tu chegarás até a eles,
através da minha presença amorosa e
fraterna, servindo com alegria, bom ânimo e
esperança, descobrindo em cada coração infeliz,
um irmão tão necessitado como eu mesmo.
Perdoa-me as quedas, as dúvidas, as queixas,
as fugas do serviço de amor ao próximo, elegendo
a preguiça e o comodismo, cultuando tristemente
o egoísmo feroz ao meio de tantos tesouros divinos
que legaste a todos nós.
Balsamiza meu coração,
para descobrir na dor, na prova,
a oportunidade bendita de resgatar
meus imensos débitos.
Não me deixes entregue às minhas
próprias imperfeições.
Se ainda não sou o que Tu esperas de mim,
que eu, pelo menos, não venha a prejudicar
a tua augusta obra terrestre,
no aperfeiçoamento da grande família humana.
Que eu possa trabalhar em silêncio,
aprendendo a servir,
sem perguntar ou exigir,
a qualquer hora, onde estiver,
seja com quem for, como o samaritano
de tua encantadora parábola.
Assim Seja!
Que estejamos sempre juntos,
unidos num único ideal de amor,
amizade, companheirismo e fraternidade.
Amém!

[imagem da web]

domingo, 21 de junho de 2009

Salmo 62


Salmo de Davi, quando se achava no deserto de Judá.

Ó Deus, vós sois o meu Deus, com ardor vos procuro.
Minha alma está sedenta de vós, e minha carne por vós anela como a terra árida e sequiosa, sem água.
Quero vos contemplar no santuário, para ver vosso poder e vossa glória.
Porque vossa graça me é mais preciosa do que a vida, meus lábios entoarão vossos louvores.
Assim vos bendirei em toda a minha vida, com minhas mãos erguidas vosso nome adorarei.
Minha alma saciada como de fino manjar, com exultante alegria meus lábios vos louvarão.
Quando, no leito, me vem vossa lembrança, passo a noite toda pensando em vós.
Porque vós sois o meu apoio, exulto de alegria, à sombra de vossas asas.
Minha alma está unida a vós, sustenta-me a vossa destra.
Quanto aos que me procuram perder, cairão nas profundezas dos abismos, serão passados a fio de espada, e se tornarão pasto dos chacais.
O rei, porém, se alegrará em Deus. Será glorificado todo o que jurar pelo seu nome, enquanto aos mentirosos lhes será tapada a boca.

[Imagem agustinasmisioneras.net]

Atos 19, 11 e 12


Deus fazia milagres extraordinários por intermédio de Paulo, de modo que lenços e outros panos que tinham tocado o seu corpo eram levados aos enfermos; e afastavam-se deles as doenças e retiravam-se os espíritos malignos.

Tenha não apenas "lenços e panos" mas o coração em Jesus e, com certeza, você será curado e libertado! No nome de Jesus! Amém!

[imagem da web]

sábado, 20 de junho de 2009

Nosso refúgio e nossa força


[imagem da web]

Eu te agradeço, te louvo e bendigo!


É na certeza de teu amor, ó Pai,
que eu caminho nesta vida
abençoada por teu Espírito.
É na certeza da misericórdia tua
que eu peço que abençoes
as obras de minhas mãos.
Pois a fonte de onde nascem
é o meu coração,
da mesma forma que as palavras.

Senhor, imploro que a divina luz
do teu amado Filho Jesus
ilumine sempre os meus passos.
Eu te agradeço, te louvo e bendigo!
Eu te agradeço, te louvo e bendigo!

É na certeza de teu amor, ó Pai,
que eu caminho nesta vida
inspirada por teu Espírito.
Eu te agradeço, te louvo e bendigo!
Eu te agradeço, te louvo e bendigo!

É na certeza de tua paz, Senhor,
que eu sigo meu caminho
fortalecida por teu Amor.
Eu te agradeço, te louvo e bendigo!
Eu te agradeço, te louvo e bendigo!

Sandra Medina Costa


[imagem da web]

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Solenidade do Coração de Jesus


A Fonte das águas puras

São Bernardo é o grande cantor do Coração de Jesus: "Onde encontrar repouso tranquilo e firme segurança para os fracos, a não ser nas chagas do Salvador?" O amor de Cristo nos garante que a vida é viável apesar de tanta dor. "Quanto a mim eu vou buscar o que me falta confiadamente nas entranhas do Senhor, tão cheias de misericórdia que não lhe faltam fendas por onde se derrame. Cravaram suas mãos e seus pés, transpassaram seu lado, por estas chagas é-me permitido sugar o mel da pedra, óleo do rochedo duríssimo, quero dizer, provar e ver quão suave é o Senhor". O Coração de Jesus lança em nosso interior a paz, a serenidade. Sorvendo graças na fonte do Salvador pedimos que o Senhor nos faça arder de amor para sermos amor para o mundo.

Frei Almir Ribeiro Guimarães, OFM - Petrópolis / RJ.
Fonte: Folhinha do Sagrado Coração de Jesus

[imagem agustinasmisioneras.net]

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Chame A Deus


Catedral

Se você não sabe para onde seguir,
Se você percebe e não quer mais fingir,
Levante a cabeça E não olhes pra trás
Chame a Deus, Chame a Deus.

Se tua vida anda um abismo sem fim,
Se teus olhos choram E não queres este fim,
Levante a cabeça E não olhes pra trás
Chame a Deus, Chame a Deus.

Chame a Deus, Que tua vida logo mudará
Ele cura a ferida, Te libertará
A verdade e a vida Ele quer te dar
Chame a Deus, chame a Deus.

Chame a Deus, Que o tempo passa e não volta mais
Sua chance sua vida pode se acabar
Ele cura a ferida te libertará
Chame a Deus, chame a Deus.

Chame a Deus
[imagem da web]

A Aranha


Uma vez um homem estava sendo perseguido por vários malfeitores que queriam matá-lo. O homem, correndo, virou em um atalho que saía da estrada e entrava pelo meio do mato e, no desespero, elevou uma oração a Deus da seguinte maneira:
- Deus Todo Poderoso, fazei com que dois anjos venham do céu e tapem a entrada da trilha para que os bandidos não me matem!!!

Nesse momento escutou que os homens se aproximavam da trilha onde ele se escondia e viu que na entrada da trilha apareceu uma minúscula aranha. A aranha começou a tecer uma teia na entrada da trilha. O homem se pôs a fazer outra oração cada vez mais angustiado:

- Senhor, eu vos pedi anjos, não uma aranha! Senhor, por favor, com tua mão poderosa coloca um muro forte na entrada desta trilha, para que os homens não possam entrar e me matar...

Então ele abriu os olhos esperando ver um muro tapando a entrada e viu apenas a aranha tecendo a teia.

Os malfeitores estavam entrando na trilha, na qual ele se encontrava, e ele estava esperando apenas a morte. Quando passaram em frente da trilha o homem escutou:

- Vamos, entremos nesta trilha.

- Não, não está vendo que tem até teia de aranha? Nada entrou por aqui. Continuemos procurando nas próximas trilhas.


Fé é crer no que não se vê, é perseverar diante do impossível. Às vezes pedimos muros para estarmos seguros, mas Deus pede que tenhamos confiança nEle para deixar que Sua Glória se manifeste e faça algo como uma teia, que nos dá a mesma proteção de uma muralha. Nunca desanime em meio às lutas, siga em frente, pois Deus disse: “Diga ao fraco que Eu sou forte”. São nos momentos mais difíceis que encontramos em Deus a nossa força.

[imagem da web]

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Cobrança Indevida


"Não faça cobrança pelas coisas ruins que lhe aconteçam nessa vida, pois essa vida pode lhe cobrar tudo que você deve a ela. E com certeza você vai pagar muito mais caro".

Depois de um dia de caminhada pela mata, mestre e discípulo retornavam ao casebre, seguindo por uma longa estrada. Ao passarem próximo a uma moita de samambaia, ouviram um gemido.
Verificaram e descobriram, caído, um homem. Estava pálido e com uma grande mancha de sangue próximo ao coração. O homem tinha sido ferido e já estava próximo da inconsciência.
Com muita dificuldade, mestre e discípulo carregavam o homem para o casebre rústico, onde trataram do ferimento.
Uma semana depois, já restabelecido, o homem contou que havia sido assaltado e que ao reagir fora ferido por uma faca. Disse que conhecia seu agressor e que não descansaria enquanto não se vingasse. Disposto a partir, o homem disse ao sábio:
"Senhor muito lhe agradeço por ter salvado a minha vida. Tenho que partir e levo comigo a gratidão por sua bondade. Vou ao encontro daquele que me atacou e vou fazer com que ele sinta a mesma dor que eu senti".
O mestre olhou fixo para o homem e disse:
"Vá e faça o que deseja. Entretanto, devo informá-lo de que você me deve três mil moedas de ouro, como pagamento pelo tratamento que lhe fiz".
O senhor ficou assustado e disse:
"Senhor, é muito dinheiro. Sou um trabalhador e não tenho como lhe pagar esse valor!"
"Se não pode pagar pelo bem que recebe, com que direito quer cobrar o mal que lhe fizeram?"
O homem ficou confuso e o mestre concluiu:
"Antes de cobrar alguma coisa, procure saber quanto você deve".


Adélio Rosa, jornalista e escritor

[imagem da web]

Na impaciência


Hoje, Senhor, agradeço pela noite maravilhosa, pelo cobertor que me aqueceu, pelo meu alimento, por mais um dia de trabalho.
E principalmente por mais um dia de vida.
Pela saúde e pelo ar que respiro, pela sua bondade e misericórdia, e pelo perdão.
Abençoa, Senhor, meus amigos e inimigos, porque eles também precisam de Ti.
Abençoa, Senhor, a nós todos que agora em silêncio fazemos essa oração, nos dê forças para superar esse momento de sofrimento e dor, ajude-nos a vencer as batalha diárias, dê-nos a coragem, fé e que não nos abatamos na luta que travamos neste momento.
Que Deus abençoe a todos nós.
Amém!
[imagem da web]

terça-feira, 16 de junho de 2009

No Reino Encantado


Estava o Rei Menino finalizando os trabalhos da preparação do açude no Reino do Sul, e iniciou o plantio de bambu. As crianças estavam acompanhando o Rei nesta tarefa e foi quando a Criança Menino perguntou:
- Rei Menino, com tantas árvores frondosas, que oferecem sombra e flores, porque quer plantar bambu? - ao que respondeu o Rei.
- Além de ser o bambu muito próprio para contenção das margens do açude, preservando inclusive o manancial, tenho ainda sete motivos, sete lições que esta espécie dá para nós, seres humanos.
- E quais seriam elas Rei Menino?
- Vou te contar. Espero que sempre que avistares um bambu, estas lições ressoem no teu Coração.
E disse o Rei:

Lição 1
Quando ventos e tempestades açoitam o bambu, ele permanece em pé. Ao contrário da maioria das árvores que se deixam abater. Assim como o bambu, não se vergue perante os problemas. Curve-se apenas perante o Pai, que é a solução.

Lição 2
É uma tarefa hercúlea arrancar um bambu. Tem eles raízes profundas, crescendo na mesma proporção tanto para cima quanto para baixo. Assim como o bambu, crie raízes profundas com o Pai, através da oração.

Lição 3
Um pé de bambu está sozinho apenas enquanto é novo, mas antes de crescer permite que cresça outros ao seu lado. Assim como o bambu lembre-se que é na Unidade que nos livramos dos predadores.

Lição 4
O bambu não cria folhas. Sua meta é para o alto. Assim como o bambu, não perca seu tempo na Vida preocupando-se com os galhos que irá criar. Permita-se perder tudo aquilo que te impede de subir suavemente.

Lição 5
O bambu é cheio de nós - e não de eu´s. Assim como o bambu, afaste os eu´s. Permita que os "nós" sejam irmãos que estarão te ajudando a superar as dificuldades.

Lição 6
O bambu é oco, vazio de si mesmo. Assim como o bambu, devemos nos esvaziar de tudo aquilo que te preenche e que está te roubando a Paz. Libere espaço se esvaziando do velho para que possa receber o novo.

Lição 7
O bambu só cresce para o alto. Assim como o bambu, faça do Alto a tua meta.

- Caramba Rei Menino, não é que este bambu é uma espécie inteligente?
- É verdade, Criança. Se observarmos a Natureza, iremos aprender sempre muito. É ela a verdadeira escola de VIDA.

Walkyria Garcia
[imagem agustinasmisioneras.net]

Ajudando


Você nem sempre terá o que deseja mas, enquanto estiver ajudando aos outros, encontrará os recursos de que precise.
Não se marginalize. Trabalhe.
Não reclame. Desculpe.
Não se lastime. Avance.
Não complique. Simplifique.
Cada qual de nós, seja onde for, está sempre construindo a vida que deseja.

Francisco Cândido Xavier
[imagem da web]

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Ore com o salmo 121


Elevo meus olhos para os montes.
De onde me virá o socorro?
O meu socorro vem do Senhor
Que fez o céu e a terra.
Não deixará vacilar o teu pé.
Aquele que te guarda não tosquenejará.
Eis que não tosquenejará
Nem dormirá o guarda de Israel.
O Senhor é quem te guarda.
O Senhor é a tua sombra a tua direita.
O sol não te molestará de dia.
Nem a lua de noite.
O Senhor te guardará de todo o mal.
Ele guardará a tua alma.
O Senhor guardará a tua entrada
E a tua saída
Desde agora e para sempre…
Amém!

[imagem da web]

Terço da Divina Chama


Início:

Fazer o sinal-da-cruz e rezar o Credo e três Ave-Maria.

Nas contas grandes:
Rezar o PAI-Nosso.

Nas contas pequenas:
Vinde, Espírito Santo, sede a nossa força e o nosso entendimento.

Ao final:
Vinde, Espírito Santo, fazei de nós receptáculos de Vossos dons, para que possamos fornecer a nossos irmãos o caminho seguro nestes tempos confusos.
Em nome do Pai, do Filho e pelo Espírito Santo.
Amém.

[imagem da web]

domingo, 14 de junho de 2009

Força


Deus,
que me infundistes o amor da beleza, da verdade e da justiça;
que povoais da vossa presença as minhas horas de arrependimento, de perdão e de segurança na vossa misericórdia;
que há anos me descobrir os meus erros, me reergueis dos meus desalentos, me conduzis pelo vosso caminho:
dai-me, agora mais do que nunca, o ânimo de não mentir aos meus semelhantes,
de me não corromper nos meus interesses,
de não temer ameaças,
não me irritar de injúrias, não fugir a responsabilidades.
Amém.


[imagem reflejosdeluz.net]

As sementes do Reino


Mc 4,26-34

Dizia também: O Reino de Deus é como um homem que lança a semente à terra.
Dorme, levanta-se, de noite e de dia, e a semente brota e cresce, sem ele o perceber.
Pois a terra por si mesma produz, primeiro a planta, depois a espiga e, por último, o grão abundante na espiga.
Quando o fruto amadurece, ele mete-lhe a foice, porque é chegada a colheita.
Dizia ele: A quem compararemos o Reino de Deus? Ou com que parábola o representaremos?
É como o grão de mostarda que, quando é semeado, é a menor de todas as sementes.
Mas, depois de semeado, cresce, torna-se maior que todas as hortaliças e estende de tal modo os seus ramos, que as aves do céu podem abrigar-se à sua sombra.
Era por meio de numerosas parábolas desse gênero que ele lhes anunciava a palavra, conforme eram capazes de compreender.
E não lhes falava, a não ser em parábolas; a sós, porém, explicava tudo a seus discípulos.
[imagem agustinasmisioneras.net]

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Meu Pensamento


Meu pensamento vive em você,
a luz do meu viver, Senhor.
Basta entrar, e eu me abrir pra Te amar,
nem precisa perguntar, Te amo!
Há um clima todo diferente,
que aquece e mexe com o coração da gente.
É como um sonho,
É como um sonho.
Eu me dou por inteiro,
Teu é meu coração.
E ao Teu lado,
eu sempre sigo,
já não há mais talvez,
Basta querer pra Te ter outra vez...
Outra vez...

[IMAGEM DA WEB]

Filipenses 4,4-9


Alegrai-vos sempre no Senhor. Repito: alegrai-vos!
Seja conhecida de todos os homens a vossa bondade. O Senhor está próximo.
Não vos inquieteis com nada! Em todas as circunstâncias apresentai a Deus as vossas preocupações, mediante a oração, as súplicas e a ação de graças.
E a paz de Deus, que excede toda a inteligência, haverá de guardar vossos corações e vossos pensamentos, em Cristo Jesus.
Além disso, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é nobre, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, tudo o que é virtuoso e louvável, eis o que deve ocupar vossos pensamentos.
O que aprendestes, recebestes, ouvistes e observastes em mim, isto praticai, e o Deus da paz estará convosco.

[imagem da web]

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Corpus Christi


Mc 14,12-16.22-26

A solenidade de Corpus Christi que celebramos deve conduzir-nos a uma reflexão sobre o "corpo do Senhor entregue e o sangue da Aliança, derramado por muitos". A instituição da Eucaristia é a Aliança de Deus com toda a humanidade. No Corpo entregue e no Sangue derramado contemplamos o amor gratuito do Criador por suas criaturas que se dá totalmente, e que nos convida a fazer o mesmo que Jesus fez, doando a nossa vida na gratuidade do amor-serviço, e tornando-nos pessoas "eucarísticas" para que o Reino de Deus aconteça no aqui e agora de nossas vidas. Eucaristia é partilha, é ação de graças, é comunhão, é comprometer-se com todos os empobrecidos, na luta por justiça, por dignidade "para que todos tenham vida e vida em abundância". Esta é a Boa-Nova de Jesus.

Ir. Jailda Rocha Caetité, CFA - Petrópolis / RJ
Fonte: Folhinha do Sagrado Coração de Jesus
[imagem reflejosdeliz.net]

Día del Corpus Christi


No te quedes, Señor,
en la soledad de un templo vacío
y, en esta hora, más que nunca
desciende a los áridos y complicados caminos
donde se debate el presente y el futuro del ser humano.
Baja, Señor, y comparte
la existencia de aquellos que buscan,
en la vida y con su vida,
una razón para nunca perderte.
No te quedes, Señor,
en el silencio que algunos pretenden imponerte:
¡Habla! ¡Bendice! ¡Camina junto a nosotros!
Nunca, como hoy, el mundo vacío
necesita llenarse de algo.
No permitas, Señor, que tu Cuerpo se haga invisible
después de haberte multiplicado
en la gran mesa de tus invitados.
No permitas, Señor, que tu Sangre
quede paralizada por la vergüenza
y la falta de valentía, de aquellos
que decimos creer y seguirte.
No permitas, Señor,
que tu Palabra quede enmudecida
por otras que son falsas y que no conducen a nada.
¡Quédate, Señor, con nosotros!
Sin tu Eucaristía, el corazón se enfría
Sin tu Palabra, el pensamiento
se racionaliza y endurece
Sin tu presencia, se hace menos fraterno
y más egoísta el caminar de cada jornada
¡Quédate, Señor, con nosotros!
Penétranos con un nuevo afán evangelizador
Llénanos de vitalidad evangélica
¡Quédate, Señor, con nosotros!
Haz que, cada plaza y cada calle,
por donde Tú hoy caminas
sean una llamada a no dormir
el mensaje de salvación que nos traes.
Hoy, prometemos ante tu custodia, Rey de reyes:
ser tu cuerpo allá donde alguien necesite tu mano
ser tu Palabra, allá donde brote el desaliento
ser tu rostro, donde exista el absurdo y el sin sentido
Hoy, ante tu altar, Señor,
déjanos prometer aquello que nos falta
para ser auténticos miembros de tu pueblo.
Haz, Señor, que nuestros corazones
queden, ante la grandeza de tu presencia,
tocados por tu gracia, iluminados por tu luz,
fortalecidos por tu pan, ilusionados con tu Palabra,
y dispuestos a abrirse ante aquellos hermanos
y situaciones que nos reclaman.
Haz que nunca olvidemos, que también nosotros
estamos llamados a ser tu cuerpo
y también tu sangre,
en esta realidad que nos toca vivir.
Quédate con nosotros, Señor.
Amén
.

[Fonte: agustinasmisioneras.net]

[Imagem da web]

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Deus é mal?


Um professor ateu desafiou seus alunos com esta pergunta:
- Deus fez tudo que existe?
Um estudante respondeu corajosamente: - "Sim, fez!"
- Você tem certeza de que Deus fez tudo, mesmo?
- Sim, professor - respondeu o jovem.

O professor replicou:

- Se Deus fez todas as coisas, então Deus fez o mal, pois o mal existe, e considerando-se que nossas ações são um reflexo de nós mesmos, então Deus é mal. O estudante calou-se diante de tal resposta e o professor, feliz, se vangloriava de haver provado uma vez mais que a Fé era um mito.

Outro estudante levantou sua mão e disse:
- Posso lhe fazer uma pergunta, professor?
- Sem dúvida, respondeu-lhe o professor.
O jovem ficou de pé e perguntou:
- Professor, o frio existe?
- Mas que pergunta é essa? Claro que existe, você por acaso nunca sentiu frio?

O rapaz respondeu:
- Na verdade, professor, o frio não existe. Segundo as leis da Física, o que consideramos frio, na realidade é ausência de calor. Todo corpo ou objeto pode ser estudado quando tem ou transmite energia, mas é o calor e não o frio que faz com que tal corpo tenha ou transmita energia. O zero absoluto é a ausência total e absoluta de calor, todos os corpos ficam inertes, incapazes de reagir, mas o frio não existe. Criamos esse termo para descrever como nos sentimos quando nos falta o calor.

- E a escuridão, existe? - continuou o estudante.
O professor respondeu:
- Mas é claro que sim.
O estudante respondeu:
- Novamente o senhor se engana, a escuridão também não existe. A escuridão é na verdade a ausência de luz. Podemos estudar a luz, mas a escuridão não. O prisma de Newton decompõe a luz branca nas várias cores de que se compõe, com seus diferentes comprimentos de onda. A escuridão não. Um simples raio de luz rasga as trevas e ilumina a superfície que a luz toca. Como se faz para determinar quão escuro está um determinado local do espaço? Apenas com base na quantidade de luz presente nesse local, não é mesmo? Escuridão é um termo que o homem criou para descrever o que acontece quando não há luz presente.

Finalmente, o jovem estudante perguntou ao professor:
- Agora me diga, professor, o mal realmente existe?
Ele respondeu:
- Claro que existe. Como eu disse no início da aula, vemos roubos, crimes e violência diariamente em todas as partes do mundo, essas coisas são o mal.

Então o estudante respondeu:
- O mal não existe, professor, ou ao menos não existe por si só. O mal é simplesmente a ausência de Deus. É, como nos casos anteriores, um termo que o homem criou para descrever a ausência de Deus em suas vidas vazias. Deus não criou o mal. O mal não é como a Fé ou o Amor, que existem como existem a Luz e o Calor. O mal resulta de que a humanidade não tenha Deus presente em seus corações. É como o frio que surge quando não há calor, ou a escuridão que acontece quando não há luz.

[imagem da web]

Símbolos Pessoais


Objetivos: Auto-reflexão, autoconhecimento, comprometimento consigo próprio, automotivação, criatividade. Imagem de si, do outro.
Participantes / Tempo: Até 15 - 25 minutos; até 30 - 50 minutos
Material: Folhas de sulfite ou A3, canetas coloridas, lápis de cor, cola colorida, recortes, linhas, barbantes, tesouras, colas, fita adesiva, adesivos coloridos.
Instruções:
1º momento -10 minutos
Solicitar que, individualmente, façam uma lista contendo os aspectos que mais aprecia em si próprio. Devem estar incluídos tanto aspectos profissionais quanto pessoais.
Listar de 5 a 8 características
Ao lado de cada uma definir uma imagem (objeto animado ou inanimado, figura humana) que melhor caracterize os aspectos.
2º momento - 15 minutos
Solicitar que criem um logotipo, um símbolo de força e poder, que agrupe as características que elencaram, utilizando os materiais disponíveis.
Construir ou atribuir um nome para o símbolo.
3º momento - 10 minutos - Uso em Seleção
Solicitar que mostrem aos demais participantes comentando objetivamente o significado.
Levantar os ganhos obtidos com a atividade.
Incentivar a colocação do símbolo em um local de fácil visualização, relembrando-os do poder, da positividade, das competências que ele simboliza.
3º momento - 10 minutos - Uso em Treinamento
Solicitar que mostrem aos demais participantes comentando rapidamente o significado, em subgrupos de 4 a 5 integrantes.
4º momento - 15 minutos - Uso em Treinamento
Solicitar que mostrem aos demais participantes circulando pela sala para que todos vejam os trabalhos realizados.
Questionar acerca das analogias da atividade com o dia-a-dia: Importância da autovalorização, autoreflexão, autoreconhecimento; Oportunidade de conhecer um pouco mais dos colegas de trabalho e imagem que têm de si próprios.
Levantar os ganhos obtidos com a atividade.
Incentivar a colocação do símbolo em um local de fácil visualização, relembrando-os do poder, da positividade, das competências que ele simboliza.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Aproveita


“Se alguém diz: - eu amo a Deus, e aborrece a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama o seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?” - (I JOÃO, 4:20).

A vida é processo de crescimento da alma ao encontro da Grandeza Divina.
Aproveita as lutas e dificuldades da senda para a expansão de ti mesmo, dilatando o teu círculo de relações e de ação.
Aprendamos para esclarecer.
Entesouremos para ajudar.
Engrandeçamos-nos para proteger.
Eduquemo-nos para servir.
Com o ato de fazer e dar alguma coisa, a alma se estende sempre mais além...
Guardando a bênção recebida para si somente, o espírito, muitas vezes, apenas se adorna, mas, espalhando a riqueza de que é portador, cresce constantemente.
Na prestação de serviço aos semelhantes, incorpora-se, naturalmente, ao coro das alegrias que provoca.
No ensinamento ao aprendiz, liga-se aos benefícios da lição.
Na criação das boas obras, no trabalho, na virtude ou na arte, vive no progresso, na santificação ou na beleza com que a experiência individual e coletiva se alarga e aperfeiçoa.
Na distribuição de pensamentos sadios e elevados, converte-se em fonte viva de graça e contentamento para todos.
No concurso espontâneo, dentro do ministério do bem, une-se à prosperidade comum.
Dá, pois, de ti mesmo, de tuas forças e recursos, agindo sem cessar, na instituição de valores novos, auxiliando os outros, a benefício de ti mesmo.
O mundo é caminho vasto de evolução e aprimoramento, onde transitam, ao teu lado, a ignorância e a fraqueza.
Aproveita a gloriosa oportunidade de expansão que a esfera física te confere e ajuda a quem passa, sem cogitar de pagamento de qualquer natureza.
O próximo é a nossa ponte de ligação com Deus.
Se buscas o Pai, ajuda ao teu irmão, amparando-vos reciprocamente, porque, segundo a palavra iluminada do evangelista, “se alguém diz: - eu amo a Deus, e aborrece o semelhante, é mentiroso, pois quem não ama o companheiro com quem convive, como pode amar a Deus, a quem ainda não conhece?”
Do livro: Fonte Viva - Francisco Cândido Xavier

Refeições


Antes das refeições
Senhor, que nos dás a alegria de estar à volta desta mesa; reúne-nos todos, um dia, no banquete do céu. Abençoa, Senhor, esta mesa e todos aqueles que a prepararam; e ajuda-nos também a repartir o nosso pão com aqueles que não o têm.
Amém.

Depois das refeições
Senhor, obrigado pelos teus dons; obrigado por este alimento que nos permite melhor te servir em cada um de nossos irmãos.
Amém.

[imagem da web]

domingo, 7 de junho de 2009

Santíssima Trindade


Mt 28,16-20
Os onze discípulos foram para a Galiléia, para a montanha que Jesus lhes tinha designado.
Quando o viram, adoraram-no; entretanto, alguns hesitavam ainda.
Mas Jesus, aproximando-se, lhes disse: Toda autoridade me foi dada no céu e na terra.
Ide, pois, e ensinai a todas as nações; batizai-as em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
Ensinai-as a observar tudo o que vos prescrevi. Eis que estou convosco todos os dias, até o fim do mundo.


A celebração da Santíssima Trindade coloca-nos dentro do maior mistério da fé cristã. Nosso Deus se revela em três pessoas distintas sem nunca e jamais perder a sua unidade. Costumamos dizer que não são três deuses, mas um único Senhor e Deus, anunciado pelos profetas e confirmado na pregação de Jesus e no seu envio missionário: batizem em nome da Trindade. Os apóstolos reconhecem a autoridade de Cristo e sabem que ele fala em nome de Deus como Deus igualmente e comunica o seu Espírito para que a missão da comunidade possa ser uma missão salvífica e redentora. Batizar em nome da Santíssima Trindade é dar ao ser humano a dignidade e a grandeza de ser filho de Deus.

Pe. Hewaldo Trevisan
Fonte: Folhinha do Sagrado Coração de Jesus

[imagem da web]

Papa diz que homem tem em seu genoma marca profunda da Trindade


Folha Online - 07/06/2009 - 08h58
Papa diz que homem tem em seu genoma marca profunda da Trindade

da Efe, na Cidade do Vaticano

O papa Bento 16 disse neste domingo que o ser humano tem em seu próprio genoma "a marca profunda" da Trindade e disse que a prova "mais forte" do fato é que "só o amor o faz feliz". O pontífice fez essa declaração diante de cerca de 50 mil pessoas que assistiram na Praça de São Pedro do Vaticano à reza do Ângelus, no dia em que a Igreja festeja a Santíssima Trindade.
O papa ressaltou que Jesus revelou ao homem que Deus é amor, "não na unidade de uma só pessoa, mas na Trindade de uma só substância, três pessoas que são um só Deus, porque o pai é amor, o filho é amor e o espírito é amor".
Bento 16 acrescentou que Deus é "tudo e só amor, amor puríssimo, infinito e eterno"."Usando uma analogia sugerida pela biologia, podemos dizer que o ser humano tem em seu próprio genoma a marca profunda da Trindade, de Deus-amor", afirmou o pontífice.
O pontífice precisou que Deus "não vive em uma esplêndida solidão", mas, "ao contrário, é fonte inesgotável de vida que incessantemente se entrega e se comunica", e isso pode ser comprovado observando a terra, os planetas, as estrelas, as galáxias, as células, os átomos e as partículas elementares.
Em tudo isso --acrescentou-- está impresso o nome da Trindade, "já que tudo provém do amor, tende ao amor e se movimenta empurrado pelo amor, naturalmente com diferentes graus de consciência e liberdade".
Bento 16 irá na próxima quinta-feira à Basílica de São João de Latrão, catedral de Roma, para presidir a solenidade do Corpus Christi. Após a missa, presidirá pelas ruas do centro de Roma a tradicional procissão de Corpus Christi que percorre de São João de Latrão até a Basílica de Santa Maria Maior.

sábado, 6 de junho de 2009

Colaboração


Ninguém realiza algo sem o apoio de alguém. Pensa nisso, a fim de que saibas angariar o concurso preciso na execução da tarefa a que te consagras.
Colaboração é reciprocidade.
A árvore protege a fonte e a fonte lhe alimenta as raízes. O solo acolhe a semente e a semente produz valores que o prestigiam.
Auxilia aos teus companheiros no cotidiano para que te possam auxiliar.
Criatura alguma concretiza esse ou aquele ideal sem aquelas outras que se lhes façam recursos de expressão.
E entendendo que todos nós – os espíritos interligados no aperfeiçoamento na terra – somos ainda seres em crescimento, não exijas cooperadores perfeitos para as realizações que demandas.
Sempre encontrarás companheiros no mundo que te apresentem falhas no mecanismo da ação.
Esse possui raciocínio rápido, mas não mostra apuro de sentimento. Aquele revela coração generoso, entretanto, ainda não percebe a necessidade de estudo. Outro comunica otimismo e entusiasmo. Outro comunica otimismo e entusiasmo, contudo parece tardar no culto à disciplina. Outro ainda é um modelo de honestidade, no entanto, não compreende, por agora, o impositivo da cortesia para a rentabilidade do serviço em andamento.
Ante a nossa própria condição de obreiros incompletos, aproveita as qualidades de cada qual e usa a paciência diante das imperfeições de cada um, observando que todos nos achamos em processo de evolução, à frente do futuro.
Recorda que a pedra é capaz de ferir, mas, se colocada em lugar certo da construção, é agente de solidez no edifício que se levanta. A força elétrica é suscetível de gerar incêndios destruidores, no entanto, se devidamente controlada, é manancial de energia e de luz.
Ampara a todos os irmãos que te cruzem o caminho, mas ampara especialmente aos que te amparam.
Nem Deus quis estar a sós na sustentação do Universo, pois chamou as suas próprias criaturas a participarem com Ele das Obras da Criação. E o próprio Jesus, na formação do cristianismo que se agiganta com os séculos, precisou de doze companheiros e entre os doze estavam três que mais profundamente lhe refletiam o coração.
Francisco Cândido Xavier - Do livro: Deus aguarda
[imagem da web]

No desânimo


Meu Deus, a ti eu clamo:
dentro de mim há trevas, mas em ti encontro a luz.
Estou sozinho, mas tu não me abandonas.
Estou desanimado, mas em ti encontro auxílio.
Estou inquieto, mas em ti encontro a paz.
Dentro de mim há amargura, mas em ti encontro paciência.
Não compreendo teus planos, ma tu conheces o meu caminho.
Louvado seja teu santo e poderoso nome.
Amém.

[imagem da web]

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Um dia de cada vez


"Quem de vocês, por mais que se preocupe, pode acrescentar uma hora que seja à sua vida? Visto que vocês não podem sequer fazer uma coisa tão pequena, por que se preocupar com o restante?" (Lc 12.25,26)

Abraham Lincoln: “A melhor coisa sobre o futuro é que ele chega um dia de cada vez.”

Consideremos algumas passagens:
. Viva o hoje. “Este é o dia que fez o Senhor; regozijemo-nos e alegremo-nos nele” (Salmos 118.24).
. Não se aflija com o futuro. “Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal” (Mateus 6.34).

. Valorize cada dia. "Os anos de nossa vida chegam a setenta, ou a oitenta para os que têm mais vigor; entretanto, são anos difíceis e cheios de sofrimento, pois a vida passa depressa, e nós voamos!... Ensina-nos a contar os nossos dias para que o nosso coração alcance sabedoria” (Salmos 90.10,12).
. Evite procrastinação. “Tenham cuidado com a maneira como vocês vivem; que não seja como insensatos, mas como sábios, aproveitando ao máximo cada oportunidade, porque os dias são maus” (Efésios 5.15-16).

“A melhor coisa sobre o futuro é que ele chega um dia de cada vez.” Que lição você tira dessa afirmação?

Cântico de libertação


Isaías 12

1 E dirás naquele tempo:
Eu vos rendo graças, Senhor, porque vos irritastes;
vossa cólera se aplacou e vós me consolastes.
2 Eis o Deus que me salva,
tenho confiança e nada temo,
porque minha força e meu canto é o Senhor,
e ele foi o meu salvador.
3 Vós tirareis com alegria água das fontes da salvação,
4 e direis naquele tempo:
Louvai ao Senhor, invocai o seu nome,
fazei que suas obras sejam conhecidas entre os povos;
proclamai que seu nome é sublime.
5 Cantai ao Senhor, porque ele fez maravilhas,
e que isto seja conhecido por toda a terra.
6 Exultai-vos de gozo e alegria, habitantes de Sião,
porque é grande no meio de vós o Santo de Israel.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Noite a sós com Deus


[Silvia Schmidt *Humancat* No livro " Preces Sem Pressa "]

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido!

Obrigado pelas alegrias
que me levantaram
e pelas dores
que me fortaleceram.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido.

Obrigado pelos sucessos
que me fizeram sentir-me grande
e pelos fracassos
que me deram
a oportunidade de perseverar.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido

Obrigado pelos cuidados
que me confortaram
e pelas mágoas
que me exercitaram
para perdoar.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido.

Obrigado pelas horas
de bem estar
que me mantiveram ativo
e por outras
que me revelaram
o valor da saúde.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido

Obrigado pelos auxílios
que me foram prestados
e pelos abandonos
que fizeram crescer
meu apoio em mim mesmo.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido.

Obrigado pelas compreensões
que encontrei
e pelas incompreensões
que algumas vezes
refletiram a minha própria imagem.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido

Obrigado pelos ganhos
que fizeram de mim
um ser mais confiante
e pelas perdas
que me demonstraram
ser possível continuar.

Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido.

Obrigado
pelos momentos altos
que me exibiram Tuas bênçãos
e pelos momentos baixos
que me abriram
para Tua proteção.

Obrigado, Senhor,
por jamais teres me esquecido.
Obrigado, Senhor,
por mais um dia vivido!

Silvia Schmidt
*Humancat*
No livro " Preces Sem Pressa "

[imagem da web]

Mateus


São Mateus, 6

Guardai-vos de fazer vossas boas obras diante dos homens, para serdes vistos por eles. Do contrário, não tereis recompensa junto de vosso Pai que está no céu.
Quando, pois, dás esmola, não toques a trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem louvados pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.
Quando deres esmola, que tua mão esquerda não saiba o que fez a direita.
Assim, a tua esmola se fará em segredo; e teu Pai, que vê o escondido, recompensar-te-á.
Quando orardes, não façais como os hipócritas, que gostam de orar de pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.
Quando orares, entra no teu quarto, fecha a porta e ora ao teu Pai em segredo; e teu Pai, que vê num lugar oculto, recompensar-te-á.
Nas vossas orações, não multipliqueis as palavras, como fazem os pagãos que julgam que serão ouvidos à força de palavras.
Não os imiteis, porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes que vós lho peçais.
Eis como deveis rezar: PAI NOSSO, que estais no céu, santificado seja o vosso nome;
venha a nós o vosso Reino; seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje;
perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos aos que nos ofenderam;
e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celeste também vos perdoará.
Mas se não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará.
Quando jejuardes, não tomeis um ar triste como os hipócritas, que mostram um semblante abatido para manifestar aos homens que jejuam. Em verdade eu vos digo: já receberam sua recompensa.
Quando jejuares, perfuma a tua cabeça e lava o teu rosto.
Assim, não parecerá aos homens que jejuas, mas somente a teu Pai que está presente ao oculto; e teu Pai, que vê num lugar oculto, recompensar-te-á.
Não ajunteis para vós tesouros na terra, onde a ferrugem e as traças corroem, onde os ladrões furtam e roubam.
Ajuntai para vós tesouros no céu, onde não os consomem nem as traças nem a ferrugem, e os ladrões não furtam nem roubam.
Porque onde está o teu tesouro, lá também está teu coração.
O olho é a luz do corpo. Se teu olho é são, todo o teu corpo será iluminado.
Se teu olho estiver em mau estado, todo o teu corpo estará nas trevas. Se a luz que está em ti são trevas, quão espessas deverão ser as trevas!
Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou odiará a um e amará o outro, ou dedicar-se-á a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e à riqueza.
Portanto, eis que vos digo: não vos preocupeis por vossa vida, pelo que comereis, nem por vosso corpo, pelo que vestireis. A vida não é mais do que o alimento e o corpo não é mais que as vestes?
Olhai as aves do céu: não semeiam nem ceifam, nem recolhem nos celeiros e vosso Pai celeste as alimenta. Não valeis vós muito mais que elas?
Qual de vós, por mais que se esforce, pode acrescentar um só côvado à duração de sua vida?
E por que vos inquietais com as vestes? Considerai como crescem os lírios do campo; não trabalham nem fiam.
Entretanto, eu vos digo que o próprio Salomão no auge de sua glória não se vestiu como um deles.
Se Deus veste assim a erva dos campos, que hoje cresce e amanhã será lançada ao fogo, quanto mais a vós, homens de pouca fé?
Não vos aflijais, nem digais: Que comeremos? Que beberemos? Com que nos vestiremos?
São os pagãos que se preocupam com tudo isso. Ora, vosso Pai celeste sabe que necessitais de tudo isso.
Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas em acréscimo.
Não vos preocupeis, pois, com o dia de amanhã: o dia de amanhã terá as suas preocupações próprias. A cada dia basta o seu cuidado.

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Para passar bem o dia


Maria, minha querida e terna mãe, colocai vossa mão sobre minha cabeça. Guardai minha mente, coração e sentidos, para que eu não cometa o pecado. Santificai meus pensamentos, sentimentos, palavras e ações, para que eu possa agradar a vós e ao vosso Jesus e meu Deus. E assim, possa partilhar da vossa felicidade no céu. Jesus e Maria, dai-me vossa bênção: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
Amém.
[Imagem reflejosdeluz.net]

Oferecimento do dia


Adoro-vos, meu Deus, amo-vos de todo o meu coração. Agradeço-vos porque me criastes, me fizestes cristão, me conservastes a vida e a saúde.
Ofereço-vos o meu dia: que todas as minhas ações correspondam à vossa vontade. E que eu faça tudo para a vossa glória e a paz dos homens. Livrai-me do pecado, do perigo e de todo o mal. Que a vossa graça, bênção, luz e presença permaneçam sempre comigo e com todos aqueles que eu amo.
Amém.

Postagens mais visitadas