.

.
Imagem da reflejosdeluz.net

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Rei meu, Deus meu!


“Lava minha mente no teu sangue,
Dá-me tua cura,
Enche-me com tua paz!”

Ainda que, exangue,
Eu, frágil criatura...
De teu amor quero mais!

A força que em mim revelas,
Tua destra que me sustém,
Nos momentos de aflição,

Surge em flores amarelas,
Na luz do dia que vem,
Nos bem-te-vis em canção.


Sandra Medina Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas