quarta-feira, 17 de julho de 2013

Quem Planta... Colhe


"Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará" (Gálatas 6:7). 

"É o cúmulo do absurdo alguém plantar pouco ou apenas coisas ruins na primeira metade da vida e esperar uma colheita valiosa na segunda metade." (Percy Johnston) 

O que estamos semeando no início de nossa caminhada no mundo? Em que estamos investindo nosso tempo? Quais são os nossos sonhos? O que esperamos colher quando a juventude ou o vigor físico não forem os mesmos? E qual o nosso pensamento sobre a eternidade? Muitas vezes ouvimos palavras tais como: "Tenho que aproveitar a vida enquanto sou jovem"; ou, "Quando for velho eu pensarei na morte, em Deus e no que acontecerá depois".
Tentamos nos enganar, mas, sabemos que não deve ser assim. Se queremos ter uma vida estável e confortável no futuro, precisamos estudar e trabalhar o mais cedo possível. Se queremos colher tranquilidade no final da vida, a hora de plantar é no início dela. Se queremos desfrutar das maravilhosas bênçãos do Senhor, precisamos semear fé e esperança agora mesmo.
O que vamos colher depende do que estamos plantando. Se semearmos "boas sementes" colheremos frutos de amor e alegria. Se semearmos "más sementes" colheremos decepções e frustrações. Se semearmos... "nada", nada colheremos a não ser a certeza de que tratamos nossas vidas com indiferença e negligência.
Quando ignoramos a necessidade de colocar a vida diante do Senhor, vivendo-a dissolutamente, perdemos a oportunidade de contar com as orientações do Agricultor. É Ele quem sabe cuidar bem de todas as "plantas". É Ele quem sabe a melhor maneira de fazer a planta crescer forte e saudável. É Ele quem sabe preparar a planta para produzir os melhores e mais bonitos frutos.
Você quer uma excelente colheita no final de sua vida? Abra o coração para Jesus. É a melhor maneira de começar a preparar suas sementes.
Pr. Paulo Roberto Barbosa

[Imagem Google]

Nenhum comentário:

Postar um comentário